O MUNDO DO FUTURO ESTÁ SE TORNANDO O MUNDO DO PRESENTE, UM MUNDO NOVO ,ORIGINAL ,ÚNICO. SIM ESTE MUNDO É A TERRA…..

1-) Porque os carros elétricos não dominam o mercado preservando a natureza ?

Poucas pessoas estariam dispostas a desistir dos carros, mas existe um jeito de termos o poder e a conveniência de um carro sem a poluição e o gasto causado pela combustão da gasolina? Felizmente, existe. Muitos pensam que os carros – do não tão distante futuro – irão rodar não só com a gasolina, mas com eletricidade também. Na verdade os carros elétricos, também conhecidos como veículos elétricos, não são tão futuristas assim.

2-) Descreva em poucas palavras como funciona o carro que está sendo criado pelo Google.

O automóvel é um Toyata Prius que possui uma avançada tecnologia envolvida, o carro conta com sistema de navegação mesclado a sensores, laser e câmeras faz com que o veículo seja conduzido de forma independente.

3-) Como anda a Ciência em relação a ligação HOMEM X MÁQUINA ?

O avanço tecnológico que hoje se mostra fruto do que há de melhor e pior na imaginação humana, vem sendo objeto de empolgantes discussões entre otimistas admiradores da ciência e cautelosos projetistas.
Nos primórdios da humanidade, o Homem se preocupava apenas em garantir a sobrevivência de seu grupo e sua família. Descobriu o fogo e passou a cozinhar alimentos. Também usou o fogo para combater inimigos. Inventou a roda, que ajudou-o a locomover-se, esta também ensinou-o como é melhor guerrear em bigas de combate. Aprendeu a forjar o aço, podendo usá-lo como ferramentas… ou armas.

Hoje, séculos depois, vivemos em um mundo que é capaz de dobrar seu conhecimento a cada trinta anos, onde é normal se falar em telefones celulares, Internet, teleconferência e super condutores, estes, inconcebíveis décadas atrás. O impossível não mais existe. Existe sim a chamada inteligência artificial. A criatura já pode medir forças com seu criador. Se somos então para as máquinas o que Deus é para nós humanos, que direito lhes cabe de tentar imitar-nos? Talvez o mesmo direito que nos faça tolerar descobertas como a clonagem ou a manipulação genética.

Anúncios